O dia em que Serra expulsou um japonês do Itamaraty

José Serra não costuma se destacar pela simpatia. Estava na cara que um dia essa característica ia causar embaraço no Ministério das Relações Exteriores. E causou, mais de uma vez.

Numa delas, o então ministro Serra marcou uma entrevista com uma equipe de jornalistas japoneses. Tudo certo, até a chegada do repórter. Ou melhor, de quem estava com ele.

Os jornalistas apareceram no gabinete acompanhados de um representantes da diplomacia japonesa. O tucano não gostou.

Serra alegou que havia marcado apenas com a equipe do veículo de comunicação e pediu que o cavalheiro se retirasse do local para a entrevista começar. E assim foi feito.

 

 

Fonte: Veja.abril.com.br